buscar

O Que São Debêntures

Especificamente debêntures são conhecidas como Bonds no exterior, é um título de dívida de empresa que oferece direito de crédito ao investidor. Trata-se de uma renda fixa, ou seja, é um investimento com rendimento previsível. Debêntures é uma aplicação com rentabilidade superior a muitos investimentos de renda fixa.

Economia
2 semanas atrás
O Que São Debêntures

Diferente dos outros tipos de renda fixa como CDB, LCI, LCA, etc., que são emitidos por uma instituição financeira (bancos), os debêntures são títulos emitidos por uma empresa, pois é uma forma mais flexível de captação de recursos, e também mais barata do que um financiamento bancário tradicional, com juros menores. Além disso, no debêntures não conta com o FGC (Fundo Garantidor de Crédito), isso quer dizer que se a empresa falir você pode não receber seu dinheiro de volta.

As debêntures, portanto, são conhecidas por terem um risco elevado, mas que pagam juros maiores do que instituições financeiras oferecem, com elas você tem rentabilidade maior.

Características das Debêntures

A captação de recursos pela sociedade através de debêntures gera um lançamento contábil em seu ativo (caixa) e outro em seu passivo (circulante e/ou exigível a longo prazo). A finalidade desse tipo de financiamento é a de satisfazer, de maneira mais econômica, as necessidades financeiras das sociedades por ações, evitando, com isso, os contratempos das constantes e caras operações de curto prazo, junto ao mercado financeiro. Para emitir uma debênture uma empresa tem que ter uma escritura de emissão, onde estão descritos os direitos conferidos pelos títulos, suas garantias e demais cláusulas e condições da emissão e suas características.
A captação de recursos pela sociedade através de debêntures gera um lançamento contábil em seu ativo (caixa) e outro em seu passivo (circulante e/ou exigível a longo prazo). A finalidade desse tipo de financiamento é a de satisfazer, de maneira mais econômica, as necessidades financeiras das sociedades por ações, evitando, com isso, os contratempos das constantes e caras operações de curto prazo, junto ao mercado financeiro. Para emitir uma debênture uma empresa tem que ter uma escritura de emissão, onde estão descritos os direitos conferidos pelos títulos, suas garantias e demais cláusulas e condições da emissão e suas características.

A remuneração das debêntures vem por meio de juros prefixados, pós-fixados ou híbridos.

Em uma debênture prefixada, há o pagamento de um percentual de juros anuais definidos antes da compra. O rendimento, nesse caso, é conhecido no momento da aplicação: você poderá calcular, na hora da aplicação, o quanto terá no vencimento.

Já a debênture pós-fixada tem um rendimento que não pode ser previsto na hora do investimento. Nesse caso, ela é atrelada a um indicador, como o CDI (referência de rentabilidade em renda fixa e variável, que segue de perto a Taxa Selic). No vencimento, a aplicação paga retornos relativos a X% da variação do CDI no período.

E o rendimento híbrido é aquele que tem o prefixado e o pós-fixado. Nesse caso, normalmente envolve a inflação oficial do país, o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo). Há uma taxa fixa de juros mais a variação desse índice.

Normalmente empresas que estão em riscos, como recuperação judicial, pagam mais, justamente porque quanto maior o risco mais você tem que receber. Mesmo empresas sólidas pagam mais que o banco.

As debêntures por serem renda fixa possuem um vencimento, isso quer dizer que você resgata o dinheiro no final do vencimento. Mas nada impede de você vendê-las antes, por isso elas também podem ser negociadas no mercado secundário. O mercado secundário é o ambiente onde os investidores podem negociar seus ativos com outros investidores, ou seja, não há transações diretas com quem emitiu os ativos.

As debêntures podem ser com ou sem garantia, isso significa que tem várias debêntures com garantia real, ou seja, a empresa que emitiu o debêntures tem um bem que coloca como garantia real. A vantagem disso é que em caso de falência o bem é vendido e pagam os debenturistas. Dentro disso também tem a garantia flutuante, que assegura privilégio geral sobre o ativo da emissora, mas não impede a negociação dos bens que compõe esse ativo.

Além desses existem mais outros dois tipos, garantia quirografária e garantia subordinada. Na quirografária não há nenhuma proteção específica. Nenhum ativo da empresa é reservado para ser penhorado e, com o ganho, ressarcir o detentor do título.

Na garantia subordinada, por fim, a posição na ordem para recebimento é ainda mais desvantajosa. Isso porque o credor só receberá após a liquidação dos ativos para quitação da dívida com garantia real, flutuante e subordinada, além das dívidas com caráter legal e trabalhista. E só depois, se sobrar dinheiro é que você recebe.

Tipos de Debêntures

Debênture é um título de crédito representativo de um empréstimo que uma companhia realiza junto a terceiros e que assegura a seus detentores direito contra a emissora, estabelecidos na escritura de emissão. A expressão inglesa derivada debenture é geralmente mais empregada no Brasil e na América Latina do que a sua correspondente francesa obligation, também adotada na legislação brasileira (como obrigação).
Debênture é um título de crédito representativo de um empréstimo que uma companhia realiza junto a terceiros e que assegura a seus detentores direito contra a emissora, estabelecidos na escritura de emissão. A expressão inglesa derivada debenture é geralmente mais empregada no Brasil e na América Latina do que a sua correspondente francesa obligation, também adotada na legislação brasileira (como obrigação).

Existem quatro tipos de debêntures, são elas:

  • Simples: Uma debênture simples, como o próprio nome já diz é simples, você espera o vencimento. É o tipo mais comum das debêntures.
  • Conversíveis: É o tipo de debênture que oferece a possibilidade de o investidor decidir transformar o crédito a receber em ações da companhia. Nesse modelo, com a conversão da aplicação em ações, a renda fixa se torna variável.
  • Permutáveis: Nesse tipo, o investidor pode optar por trocar o título por ações de uma companhia que não seja a própria emissora da dívida.
  • Incentivadas: As debêntures incentivadas são aquelas com isenção fiscal, que buscam financiar projetos de infraestrutura. Normalmente, é o caso de títulos para financiamento em segmentos como construção de portos e aeroportos, transmissão de energia, melhoria de rodovias, ferrovias, logística, saneamento básico, entre outros.

Você encontra debêntures para investir junto a corretora de valores. Procure por alguma empresa que esteja emitindo debêntures, verifique todos os aspectos e decida se você quer investir ou não. Caso precise procure pelo assessor da empresa corretora.

Como funciona o Preço Médio na Bolsa de Valores
O preço médio é a média ponderada do preço de aquisição de determinado ativo, representando preço médio de aquisição, usado para calcular o lucro de uma operação,...
Entenda o que é COE, o Certificado de Operações Estruturadas
Entre os tipos de COE existentes, podemos citar os dois grandes grupos existentes, sendo eles o COE com Capital Garantido e o COE com Capital de...
Qual a coisa mais importante ao comprar ações?
Lynch ainda diz que por trás de cada papel, sempre existe uma empresa por trás, e que a mesma é a chave para a valorização daquela ação. Por exemplo, a Coca Cola tem um...
O que é CDB? Veja como funciona
Para investir em um CDB basta buscar por um no seu banco ou em uma corretora de valores. Os CDB das corretora oferecem uma rentabilidade maior, mesmo sendo um título do seu...
Diversificar é o segredo?
Claro que não precisa ficar com o dinheiro acumulado em um só lugar, todo bom investidor sabe quando diversificar suas aplicações, para, assim, aumentar o potencial de ganhos...

O Fusne é um site para quem ama internet, nós somos especializados em testar apps e tudo mais que envolve tecnologia. O que você vai encontrar por aqui é escrito por humanos, que vivem fazendo compras online, assim como você, então entende as suas dificuldades e felicidades nessas horas. O material do Fusne é testado várias e várias vezes pela equipe...